Copagril – Sou agro com orgulho
Variedades Céu de Agosto

Festival de Cannes 2021: filme brasileiro inspirado em eventos reais é premiado com Menção Especial

(Foto: Reprodução/Céu de Agosto)

A edição de 2021 do Festival de Cannes chegou ao fim no último sábado (17), celebrando Titane, filme francês da diretora Julia Ducournau, como o grande vencedor da Palma de Ouro. Mas o evento também deu destaque à produção brasileira Céu de Agosto e o curta-metragem ganhou uma menção honrosa do júri, presidido pelo vencedor do Oscar Spike Lee, no encerramento da cerimônia.

Casa do Eletricista – Energia Solar

Céu de Agosto foi um dos três filmes brasileiros exibidos em Cannes neste ano e tem como protagonista Lúcia (Badu Morais), uma enfermeira grávida, que fica responsável pelos cuidados com a avó, que está doente. Enquanto isso, ela precisa lidar com um dia a dia afetado pela poluição causada pelas queimadas incessantes na Amazônia. A trama buscou inspiração também no dia em que o céu da cidade de São Paulo escureceu às 15 horas, em agosto de 2019. O evento chamou atenção da população na época e, mais tarde, descobriu-se que a fumaça das queimadas na floresta amazônica contribuiu para este fenômeno.

Quem assina o curta é a diretora e roteirista Jasmin Tenucci, que já tem experiência em séries de televisão como As Five, Vida de Estagiário e Historietas Assombradas. Com o lançamento do filme em Cannes, a cineasta falou sobre a emoção de ver sua obra na telona.

Nied 2021 B

“Foi uma alegria inimaginável assistir ao filme na melhor tela do mundo, quando, até agora pouco, a gente se perguntava quando voltaríamos aos cinemas. Estou muito agradecida e feliz. Os diretores sobem no palco, mas por trás desse filme tem muita gente que colocou suor, amor, criatividade e generosidade nele. Eles não estão na foto, mas estão impressos em todo canto do filme.Então, aqui vai minha mais profunda gratidão pelo elenco e equipe. Vocês são demais”, declarou em sua página no Instagram.

Neste ano, além dos filmes nacionais exibidos – com destaque para Marinheiro das Montanhas, que foi aplaudido por 14 minutos seguidos -, o Brasil foi representado também por Kleber Mendonça Filho, diretor de Bacurau, que foi premiado na edição de 2019 do Festival. Em 2021, o cineasta fez parte do time de jurados do Festival de Cannes.

Enquanto Céu de Agosto ficou com a Menção Especial do Júri, o curta-metragem All The Crowns in the World, da diretora chinesa Tang Yi conquistou a Palma de Ouro na categoria. O filme de 14 minutos acompanha uma estudante, que é convidada para uma festa misteriosa. Entre as figuras peculiares que ela encontra por lá, um homem acaba se aproximando e os dois dão início a uma relação improvável e inusitada.

 

Com Adoro Cinema

Clique aqui e participe do nosso grupo no WhatsApp

TOPO