Brincando na Praça 2019
Esportes

Celso Roth mostra-se feliz com desempenho dos meias no 4-2-3-1

Agência Estado
gremio 28

Desde que chegou ao Grêmio, Celso Roth elaborou o sistema tático 4-2-3-1 com o qual tirou a equipe do risco de rebaixamento, e devolveu aos gremistas a esperança de retornar à Taça Libertadores em 2012. E ele, após a vitória de 1 a 0 sobre o Santos – na noite de quarta-feira – mostrou-se feliz com o desempenho dos três meias ofensivos, vitais para o funcionamento da estratégia escolhida.

Segundo Roth, com Douglas, Marquinhos e Escudero, é possível combinar características diferentes. Ele destacou ainda a passagem dos laterais, e a proteção dos volantes.

Casa do Eletricista ESCAVAÇÕES

“É importante para um jogador técnico ter jogadores técnicos ao lado dele. E se conseguimos aliar a isso uma velocidade, não física, mas de movimentos, melhor. Temos ainda nossos laterais passando, às vezes alternados, às vezes simultaneamente, sustentados pelos dois volante”, afirmou.

Roth acredita que não apenas Douglas se beneficia do 4-2-3-1 escolhido, mas que qualquer meia poderia se dar bem dentro deste sistema:

“Neste sistema fica bom para o Douglas jogar, e te digo mais, fica bom para qualquer meia. Em determinado momento dos treinos tivemos de fazer o Douglas entrar na área, o Marquinhos entrar na área, e agora isso está automatizado”.

TOPO