Esportes

Jailson revela cobranças de Renato para melhora do Grêmio

Lucas Uebel/Grêmio

Apesar da vitória no último fim de semana, o técnico Renato Portaluppi não gostou da atuação do Grêmio no 1 a 0 sobre o Passo Fundo, na Arena. Na véspera do duelo com o São José, neste domingo (19), o volante Jailson revelou as principais orientações para a equipe melhorar o rendimento: encurtar a marcação e maior movimentação no setor ofensivo.

Casa do Eletricista – Clorador Agosto

Renato não gostou, especialmente, das poucas chances de gol criadas. Mesmo com o ataque reserva neste domingo, espera que o Tricolor seja mais efetivo e dê mais trabalho ao rival. Na defesa, a orientação é evitar os contra-ataques com uma marcação próxima aos jogadores adversários.

“Professor cobrou bastante movimentação dos atacantes, para a gente concluir mais a gol, diminuir marcação para evitar os contra-ataques. É colocar em prática para conseguir a vitória. O grupo estava um pouco sem ritmo, agora juntou, a gente vai conseguindo voltar ao futebol do ano passado”, comentou Jailson, o substituto de Walace no meio-campo.

A partida será válida pela quinta rodada do Campeonato Gaúcho. O próprio treinador gremista apontou que o rendimento da equipe passaria a retomar os padrões do fim de 2016, quando foi campeão da Copa do Brasil batendo o Atlético-MG com autoridade, a partir do quinto ou sexto jogo no ano.

“Como a gente previa, a gente ia demorar um pouco para voltar ao ritmo. Com a sequencia dos jogos, vamos retomando nosso futebol. É aproveitar o jogo de domingo para dar seguimento ao trabalho do professor Renato”, completou o volante.

O Grêmio terá as baixas de Edílson – que ainda não jogou no ano -, Douglas, Luan e Pedro Rocha, todos lesionados. Fernandinho e Everton devem ganhar chance no ataque, com Bolaños e Léo Moura permanecendo no time titular.

TOPO