Geral

IBGE vai pesquisar idosos, gays e tempo no trânsito

Prefeito Moacir Froehlich, o vice Silvestre Cottica, e a primeira-dama Maria Cleonice Froehlich, recepcionaram os representantes do IBGE, ontem (30), no gabinete (Foto: Ademir Herrmann)

O presidente do Instituto Brasileiro de Geografia e Estat iacute;stica (IBGE) do Paran aacute;, Sinval Dias dos Santos, est aacute; percorrendo cidades da regi atilde;o para acompanhar o andamento das atividades das equipes que ir atilde;o trabalhar no Censo 2010. Na manh atilde; de ontem (30), ele esteve em Marechal C acirc;ndido Rondon, onde realizou visita ao prefeito Moacir Froehlich.
No mesmo dia, esteve em Gua iacute;ra, Assis Chateaubriand e Toledo. Hoje (1 ordm;) dever aacute; estar em Medianeira, Foz do Igua ccedil;u, Cascavel e Guarania ccedil;u.
Em entrevista exclusiva agrave; reportagem de O Presente, Sinval Dias dos Santos exp ocirc;s quais os dados que ser atilde;o pesquisados a partir de 1 ordm; de agosto em todo o pa iacute;s.
Segundo ele, dentre os novos dados que o IBGE ir aacute; levantar a partir do Censo 2010 est aacute; o n uacute;mero de pessoas do mesmo sexo que convivem juntas. ldquo; Eacute; uma demanda da associa ccedil; atilde;o de gays, l eacute;sbicas que solicitou ao IBGE que inclu iacute;sse essa pergunta para identificar essa popula ccedil; atilde;o rdquo;, justifica.
A terceira idade tamb eacute;m ter aacute; dados levantados e tabulados. ldquo;Hoje em n iacute;vel de Brasil e Paran aacute; essa popula ccedil; atilde;o j aacute; passa dos 10%, por isso queremos coletar dados tamb eacute;m desta faixa et aacute;ria que a cada ano vem crescendo muito rdquo;, declara Santos. Haver aacute; ainda perguntas sobre portadores de necessidades especiais.
Outra quest atilde;o vai abranger o tempo de deslocamento das pessoas de casa at eacute; o trabalho e vice-versa, que nos grandes centros e maiores cidades eacute; amplo. ldquo;Assim, vamos saber as horas que s atilde;o lsquo;perdidas rsquo; no tr acirc;nsito devido agrave; concentra ccedil; atilde;o de carros nos centros urbanos rdquo;, menciona.

Internet
A maior novidade apontada pelo presidente eacute; a possibilidade de responder ao question aacute;rio do Censo Demogr aacute;fico 2010 pela internet. ldquo;O morador que fizer a op ccedil; atilde;o de responder as quest otilde;es pela internet receber aacute; do recenseador uma senha para que possa acessar o site, preencher o question aacute;rio e transmiti-lo pela internet, o que ir aacute; facilitar a tabula ccedil; atilde;o das informa ccedil; otilde;es rdquo;, salienta.

Casa do Eletricista – TORNEIRAS ELÉTRICAS

N uacute;meros
Cerca de 58 milh otilde;es de domic iacute;lios ser atilde;o visitados em todo o pa iacute;s nas aacute;reas urbana e rural, dos quais 3,8 milh otilde;es no Paran aacute;.
O presidente do IBGE/PR adianta que o recenseador visitar aacute; todos os domic iacute;lios. ldquo;Ele portar aacute; uma identifica ccedil; atilde;o, bem como colete com o logotipo do IBGE, no qual estar aacute; grafado o telefone 0800-721-8181, por meio do qual os moradores poder atilde;o certificar se a pessoa que se apresenta eacute; de fato um recenseador rdquo;, salienta.
De acordo com Santos, ser atilde;o pesquisadas durante o Censo as caracter iacute;sticas do domic iacute;lio, se eacute; pr oacute;prio, alugado, se tem aacute;gua encanada, esgoto sanit aacute;rio, r aacute;dio, geladeira, televis atilde;o, microcomputador e se est aacute; conectado agrave; internet.
Tamb eacute;m constar atilde;o quest otilde;es relacionadas agrave; educa ccedil; atilde;o. ldquo;Queremos saber se as pessoas que moram no domic iacute;lio est atilde;o estudando, se j aacute; estudaram e at eacute; que s eacute;rie. Com esse cap iacute;tulo vamos ter condi ccedil; otilde;es de identificarmos o n uacute;mero de pessoas que ainda s atilde;o analfabetas. Essa eacute; uma preocupa ccedil; atilde;o de todas as autoridades rdquo;, pondera.
Outro dado que ser aacute; levantado durante o Censo est aacute; relacionado a trabalho e renda. O objetivo eacute; saber se a popula ccedil; atilde;o com dez anos ou mais trabalha, onde, qual a ocupa ccedil; atilde;o principal, quantas horas trabalha, por semana, qual o seu rendimento, se tem trabalho secund aacute;rio, entre outros.
O recenseador ainda ir aacute; indagar o entrevistado sobre migra ccedil; atilde;o, para saber se as pessoas que moram no munic iacute;pio s atilde;o naturais da cidade ou provenientes de outros munic iacute;pios ou unidades da federa ccedil; atilde;o. ldquo;No caso de Marechal C acirc;ndido Rondon, j aacute; sabemos que boa parte da popula ccedil; atilde;o eacute; de pessoas naturais daqui, mas h aacute; tamb eacute;m uma parcela significativa de moradores que vieram de outras cidades e Estados. Na faixa de fronteira tamb eacute;m temos o retorno de pessoas que no passado migraram para o Paraguai rdquo;, exp otilde;e.

Dois tipos
As equipes do IBGE ir atilde;o trabalhar com dois tipos de question aacute;rios, sendo um mais breve e outro mais completo, a ser aplicado por amostragem. ldquo;No caso de Marechal Rondon, a amostra ser aacute; de 10%, ou seja, de cada dez domic iacute;lios, um ter aacute; aplicado um question aacute;rio amplo, com v aacute;rias perguntas, enquanto os demais responder atilde;o um question aacute;rio simplificado, contando pessoas e contando as principais informa ccedil; otilde;es, de modo que todos os domic iacute;lios ser atilde;o visitados e todas as pessoas ser atilde;o recenseadas rdquo;, declara.

Novos equipamentos
Em 2007, quando o IBGE realizou a contagem da popula ccedil; atilde;o para os munic iacute;pios com popula ccedil; atilde;o at eacute; 170 mil habitantes, foram registrados alguns problemas como o atraso no in iacute;cio das atividades e no pagamento de recenseadores. Indagado sobre o assunto, Santos ressaltou que hoje a realidade eacute; outra. ldquo;Foi a primeira vez que realizamos um Censo totalmente informatizado. Tivemos dificuldades porque tudo era novidade, principalmente na parte de transmiss atilde;o, mas esse problema j aacute; foi solucionado. Os equipamentos que compramos para fazer o Censo s atilde;o sofisticados e toda a parte de transmiss atilde;o foi devidamente testada. Em rela ccedil; atilde;o a pagamentos, o sistema est aacute; funcionando plenamente, de forma que n atilde;o teremos atraso nos pagamentos agrave;s pessoas que ir atilde;o trabalhar conosco, as quais receber atilde;o assim que conclu iacute;rem o setor censit aacute;rio rdquo;, assegura.

Remunera ccedil; atilde;o
O resultado do concurso para recenseadores dever aacute; ser divulgado hoje (1 ordm;). Conforme Santos, o recenseador que trabalhar em per iacute;odo integral ter aacute; uma remunera ccedil; atilde;o significativa. ldquo;Quem tiver dedica ccedil; atilde;o exclusiva ter aacute; condi ccedil; otilde;es de receber um sal aacute;rio de em torno de R$ 1,2 mil a R$ 1,3 mil em um m ecirc;s de trabalho, acrescentado de f eacute;rias e 13 ordm; proporcionais. Estamos falando de uma m eacute;dia de sal aacute;rio bem acima dos demais trabalhadores do Paran aacute; e do Brasil rdquo;, conclui o presidente do IBGE/PR.
A coleta que inicia em 1 ordm; de agosto seguir aacute; at eacute; 31 de outubro.

TOPO