Pref. Pato Bragado – Dengue 2019
Geral

Pesquisas forçam tucanos a anteciparem decisão

Presidente estadual do PSDB, deputado Valdir Rossoni: Na minha forma de entender, é incontestável o favoritismo do Beto dentro da legenda. Se mantiver esses números, ele será nosso candidato (Foto: Divulgação)

Os n uacute;meros de tr ecirc;s pesquisas sobre a sucess atilde;o no Governo do Estado agitaram a pol iacute;tica estadual neste final de 2009. Em dois dos levantamentos – Ibope, Datafolha – indicam para uma polariza ccedil; atilde;o da disputa entre o prefeito de Curitiba Beto Richa (PSDB) e o senador Osmar Dias (PDT), que aparecem em empate t eacute;cnico (dentro da margem de erro), agrave; frente dos demais pr eacute;-candidatos. Somente nos n uacute;meros da Paran aacute; Pesquisas, o senador Alvaro Dias (PSDB) ainda aparece bem cotado, um pouco a frente do irm atilde;o.
Apesar da proximidade num eacute;rica, tucanos e pedetistas encaram os resultados de forma diferenciada. Enquanto o PSDB come ccedil;a 2010 com a obriga ccedil; atilde;o de definir, o mais breve poss iacute;vel, entre Richa e Alvaro Dias, qual o candidato mais preparado para representar a legenda na disputa pelo Pal aacute;cio das Arauc aacute;rias nas elei ccedil; otilde;es de outubro, o PDT promete intensificar o trabalho em torno da ldquo;irrevers iacute;vel rdquo; candidatura de Osmar Dias.
Fontes ligadas agrave; c uacute;pula tucana garantem que o partido confirma, no mais tardar, at eacute; o in iacute;cio de fevereiro a candidatura do prefeito de Curitiba ao governo. Os estrategistas da legenda apostam que a partir do an uacute;ncio oficial, Richa ganharia pontos e aumentaria a vantagem sobre os principais advers aacute;rios.
No cen aacute;rio recente mais favor aacute;vel ao PSDB (Paran aacute; Pesquisas), 43,1% dos entrevistados disseram ter inten ccedil; atilde;o de votar em Richa, enquanto 38,1% preferem o senador pedetista. Na mesma pesquisa, Alvaro tem 40%, contra 35% de Osmar. O prefeito, por eacute;m, controla a m aacute;quina partid aacute;ria no Estado, e tem o apoio da maior parte das lideran ccedil;as pol iacute;ticas tucanas paranaenses na disputa interna.
Embora n atilde;o confirme que o nome de Richa ser aacute; ratificado, o presidente estadual do PSDB, deputado Valdir Rossoni, afirma que o candidato deve ser definido j aacute; nos primeiros dias de 2010. ldquo;Chegou a hora de tomar uma decis atilde;o. Acredito que at eacute; o final de janeiro temos que definir. Na minha forma de entender, eacute; incontest aacute;vel o favoritismo do Beto dentro da legenda. Se mantiver esses n uacute;meros, ele ser aacute; nosso candidato rdquo;, afirma.
Rossoni n atilde;o concorda com os analistas que consideram um risco Richa renunciar a prefeitura em abril para disputar o governo estando em empate t eacute;cnico com Osmar. ldquo;Todos os indicadores mostram que o Beto tem facilidade de crescimento. Al eacute;m disso, agora surge a informa ccedil; atilde;o de que ele foi avaliado como o melhor prefeito do pa iacute;s pela s eacute;tima vez consecutiva rdquo;, comenta o cacique em refer ecirc;ncia aos n uacute;meros do Datafolha, divulgados no uacute;ltimo domingo (27), que avaliou a administra ccedil; atilde;o das nove principais Capitais.

Fatos novos
J aacute; o presidente do PDT/PR, deputado Augustinho Zucchi, garante que as pesquisas t ecirc;m pouca influ ecirc;ncia sobre a decis atilde;o do partido de repetir a candidatura de Dias ao governo. ldquo;O PDT tem apenas um candidato. N atilde;o h aacute; disputa interna. Al eacute;m disso, o senador Osmar Dias n atilde;o precisa se desincompatibilizar do cargo. Estes n uacute;meros s atilde;o importantes para o PSDB que tem dois pr eacute;-candidatos rdquo;, argumenta.
Segundo Zucchi, a defini ccedil; atilde;o de uma poss iacute;vel alian ccedil;a entre pedetistas e petistas no Paran aacute; s oacute; deve ocorrer em mar ccedil;o. ldquo;A pol iacute;tica vive de fatos. Se n atilde;o houver fatos novos, as defini ccedil; otilde;es s oacute; v atilde;o acontecer em mar ccedil;o rdquo;, garante.

Casa do Eletricista folha LORENZETTI
TOPO