Ecoville – Maior rede de limpeza
Ford Show Rural
Geral

Professores se organizam para paralisação na terça

Diretora estadual da APP Sindicato, Maria Madalena Ames, com o secretário de formação política do Núcleo Sindical Regional, Carlos Alberto Seibert, em visita a este diário para divulgação dos eventos. Foto: O Presente

Educadores dos munic iacute;pios de Marechal C acirc;ndido Rondon e microrregi atilde;o participar atilde;o hoje (13), a partir das 08h30, na Unioeste, de assembleia para deliberar sobre a mobiliza ccedil; atilde;o que ser aacute; promovida na ter ccedil;a-feira (16). Os professores pretendem aderir agrave; paralisa ccedil; atilde;o nacional de trabalhadores da educa ccedil; atilde;o para reivindicar equipara ccedil; atilde;o salarial com reajuste de 25,97%.
Tamb eacute;m est atilde;o na pauta de reivindica ccedil; atilde;o o respeito agrave; lei do piso salarial profissional nacional (PSPN), que n atilde;o estaria sendo cumprido; melhor atendimento agrave; sa uacute;de dos educadores, nomea ccedil; atilde;o dos aprovados em concursos p uacute;blicos da educa ccedil; atilde;o, Lei do Sistema Estadual de Ensino, dentre outros.
De acordo com a diretora estadual da APP Sindicato, Maria Madalena Ames, e com o secret aacute;rio de forma ccedil; atilde;o pol iacute;tica do N uacute;cleo Sindical Regional de Toledo, Carlos Alberto Seibert, durante a reuni atilde;o de hoje os professores presentes definir atilde;o em que local ser aacute; promovida a mobiliza ccedil; atilde;o de ter ccedil;a-feira, se em Marechal Rondon ou Toledo. ldquo;Esperamos que haja uma ades atilde;o de 100% dos profissionais dos munic iacute;pios da microrregi atilde;o agrave; paralisa ccedil; atilde;o rdquo;, declaram.
Devido ao protesto, os alunos dos col eacute;gios estaduais n atilde;o ter atilde;o aula na ter ccedil;a-feira.
Conforme os sindicalistas, al eacute;m da concentra ccedil; atilde;o microrregional, tamb eacute;m est aacute; sendo organizada uma caravana que partir aacute; de Marechal Rondon para participar do ato p uacute;blico marcado para acontecer agrave;s 09 horas, na Pra ccedil;a Santos Andrade, em Curitiba.

Causas
Apesar de ter sido estabelecido em n iacute;vel nacional o piso de R$ 900 para 40 horas semanais de trabalho dos professores de n iacute;vel m eacute;dio, o qual reajustado estaria em cerca de
R$ 1,3 mil, segundo Maria Madalena o valor n atilde;o vem sendo praticado. ldquo;Por lei o reajuste deve ter por base o custo aluno calculado pelo Fundeb, no entanto o MEC n atilde;o reconhece o valor de R$ 1,3 mil, alegando ser R$ 1,024 mil rdquo;, exp otilde;e.
Outra preocupa ccedil; atilde;o dos l iacute;deres eacute; com a sa uacute;de dos trabalhadores em educa ccedil; atilde;o, que tem apresentado piora. ldquo;Mesmo tendo sido estabelecido 1/3 da carga hor aacute;ria profissional para hora-atividade, ela n atilde;o est aacute; em pr aacute;tica, sendo atualmente de 20%. Os governadores, incluindo o do Paran aacute;, entraram na Justi ccedil;a com uma A ccedil; atilde;o Direta de Inconstitucionalidade (Adin) e por isso queremos que ela seja julgada logo para adotarmos outro procedimento rdquo;, enfatiza.

Casa do Eletricista folha LORENZETTI

N iacute;vel municipal
Segundo Carlos Seibert, a APP Sindicato ainda est aacute; apoiando os professores da rede municipal de ensino na reivindica ccedil; atilde;o de um plano de cargos e sal aacute;rios. ldquo;Esse assunto tamb eacute;m estar aacute; na pauta de discuss otilde;es deste s aacute;bado. A APP j aacute; elaborou gratuitamente o plano para cerca de 100 munic iacute;pios do Estado e est aacute; disposta a oferecer isso, a partir de estudos s oacute;cio-econ ocirc;micos e de uma constru ccedil; atilde;o coletiva rdquo;, salienta. Ele acrescenta que a municipalidade j aacute; teria contratado uma empresa para fazer o estudo.
Conforme o secret aacute;rio, os professores da rede municipal querem integrar a APP, j aacute; que n atilde;o possuem um sindicato espec iacute;fico da categoria, mas n atilde;o t ecirc;m esse direito reconhecido.

TOPO