Copagril – Sou agro com orgulho
Marechal Imbróglio

Hospital Rondon pede descredenciamento da Unimed

Fot: Sandro Mesquita/OP

Situação envolveria casos de urgência e emergência. Por outro lado, cooperativa médica desmente boatos que novo hospital não será construído em Marechal Rondon

Um aparente imbróglio no setor de saúde privado ganha um novo capítulo em Marechal Cândido Rondon.

Copem/Pedalando Por Bíblias

O Hospital Rondon notificou a Unimed Costa Oeste informando o descredenciamento da cooperativa médica junto à instituição hospitalar, voltado ao atendimento dos casos de urgência e emergência.

Nied 2021 J1

Em entrevista ao Jornal O Presente, o presidente da Unimed Costa Oeste, médico Hiroshi Nishitani, disse que o hospital deu um prazo à cooperativa informando sobre o pedido de descredenciamento, o qual está para vencer.

Combate Max Natal

“Os internamentos continuariam e o descredenciamento solicitado pelo Hospital Rondon seria somente para os casos de urgência e emergência. A Unimed respondeu formalmente não concordando com o pedido, pois se preocupa com os atendimentos aos beneficiários, mas, de qualquer forma, estamos avaliando outra maneira de melhor garantir este atendimento”, resumiu.

Rui Sonho nov/dez 2

Para suprir o atendimento neste momento, a Unimed vai instalar um ambulatório na unidade da cooperativa em Marechal Rondon, localizada na Rua Sete de Setembro. De acordo com ele, o paciente será avaliado e, se houver necessidade, será encaminhado ao hospital de Toledo. “Estamos avaliando como ocorrerá este fluxo de atendimento”, afirma.

Nishitani diz não saber o motivo do descredenciamento e reforça que esta é a intenção do Sempre Vida, e não da Unimed. “O Hospital Rondon comunicou a Unimed do descredenciamento junto ao HGU (Hospital Geral da Unimed) de Toledo, agora veio comunicar que não fará mais atendimentos de urgência e emergência aos nossos beneficiários em Rondon”, relata.

 

“MENTIRA DESLAVADA”

Por outro lado, o dirigente da cooperativa médica expõe que tem surgido boatos de que a Unimed Costa Oeste não vai mais construir o hospital em Marechal Rondon. “É uma mentira deslavada. A coisa está andando e vai sair. Os trâmites burocráticos são um pouco demorados, mas o hospital será construído”, garante.

Em recente entrevista ao O Presente, o empresário rondonense Daniel Felipe Brandalize Niedermeyer, sócio-proprietário da Blume Administradora de Bens, empresa que executará a obra, declarou que tão logo o novo Plano Diretor do município seja aprovado pela Câmara de Vereadores e sancionado pelo prefeito Marcio Rauber as obras iniciam no complexo de saúde, que vai abrigar o novo hospital.

 

OUTRO LADO

A reportagem procurou a direção do Hospital Rondon para comentar a respeito da notificação de descredenciamento da Unimed Costa Oeste. Contudo, até o fechamento desta matéria a assessoria de comunicação não conseguiu dar um retorno.

Unimed Costa Oeste vai transformar parte da unidade de Marechal Rondon em ambulatório para atender aos beneficiários (Foto: Sandro Mesquita/OP)

Maria Cristina Kunzler/O Presente

Grupo Costa Oeste 2021

Clique aqui e participe do nosso grupo no WhatsApp

TOPO