Ecoville – Maior rede de limpeza
Municípios contratações ilegais

Justiça suspende direitos políticos e multa ex-prefeito de Foz do Iguaçu

(Foto: Divulgação)

De acordo com Ministério Público Estadual, 17 contratações feitas por Paulo Mac Donald Ghisi foram irregulares.
A Justiça suspendeu os direitos políticos por três anos e multou o ex-prefeito de Foz do Iguaçu, Paulo Mac Donald Ghisi, pela contratação irregular de servidores comissionados.

De acordo com Ministério Público Estadual, 17 contratações feitas pelo ex-prefeito foram irregulares.

Casa do eletricista MINIESCAVADEIRA

Todas as contratações foram na Secretaria de Educação, desde cuidadores de criança, padeiro, até auxiliar de serviços gerais e professores, foram contratados como assessores, sem a realização de um concurso público.

O promotor responsável pela ação afirma que esse tipo de contratação só poderia ser feita para cargos de chefia, assessoramento e direção.

“O MP combate essa prática, pois além de entendê-la ilegal, busca evitar que se crie um curral eleitoral. Cada comissionado cria um vínculo, independente da função exercida em concreto, com o seu nomeador”, explicou o promotor Marcos Cristiano Andrade.

Mac Donald foi prefeito de Foz do Iguaçu de 2005 a 2012 e, nesse tempo, o Ministério Público entrou com 20 ações civis e outras 21 criminais com as mesmas acusações de nomeação irregular. Essa foi a primeira condenação. Em outras, o ex-prefeito foi absolvido e o Ministério Público recorreu.

 

O que dizem os citados
A defesa do ex-prefeito, em nota, informou que já recorreu da decisão da Justiça e que ele não cometeu nenhum ato ilegal ou imoral. A defesa ainda afirmou que em várias ações, a Justiça decidiu pela rejeição ou absolvição.

O ex-prefeito Paulo Mac Donald Ghisi afirmou que ficou surpreso com a condenação.

 

Com G1

TOPO