Policial

Pais identificam corpo encontrado “embrulhado” no Lago

Os pais do catarinense Lorinilso de Oliveira, 34 anos, reconheceram seu corpo no domingo (13). O corpo dele havia sido encontrado na semana passada, embrulhado agrave;s margens do Lago de Itaipu. Os familiares, que s atilde;o de Chapec oacute; (SC), informaram que Lorinilso havia sido preso h aacute; cerca de quatro anos em Florian oacute;polis (SC), por tr aacute;fico de droga, e h aacute; aproximadamente dois anos n atilde;o tinham mais not iacute;cias dele. Na semana passada, um ex-cunhado de Lorinilso teria recebido uma liga ccedil; atilde;o an ocirc;nima. Ele foi informado que o corpo de Lorinilso estava no Instituto M eacute;dico Legal. Quando o ex-cunhado quis conseguir mais informa ccedil; otilde;es, a liga ccedil; atilde;o foi interrompida.

Investiga ccedil; atilde;o
A partir da identifica ccedil; atilde;o, a pol iacute;cia tenta descobrir o autor da morte do catarinense. O corpo foi encontrado no in iacute;cio da noite de quinta-feira (10), por pescadores, perto do Porto 59, na comunidade de S atilde;o Jo atilde;o, no distrito de Oliveira Castro, interior de Gua iacute;ra. Lorinilso estava envolto numa lona pl aacute;stica preta, atada com fita adesiva. Ele estava com les otilde;es na cabe ccedil;a e deforma ccedil; otilde;es no rosto, que possivelmente causaram sua morte. A pol iacute;cia acredita que o oacute;bito tenha ocorrido pouco antes de ser encontrado o corpo.

Casa do Eletricista – NÃO PAGUE AR
TOPO