Policial

Rondonense acusado de envolvimento é preso

O rondonense Andr eacute; Cristiano Tesche, 21 anos, foi novamente preso pela pol iacute;cia Mato Grosso do Sul. nbsp; Ele foi detido no s aacute;bado (12) e a acusa ccedil; atilde;o agora eacute; de envolvimento em um sequestro. A v iacute;tima, o dono de um abatedouro de gado de 53 anos, que abastece os mercados de Amambai (MS) e munic iacute;pios da regi atilde;o, foi sequestrado por dois indiv iacute;duos armados na manh atilde; do uacute;ltimo dia 02, quando sa iacute;a de casa para o trabalho.
O empres aacute;rio foi levado pelos sequestradores at eacute; um acampamento montado de forma provis oacute;ria agrave;s margens do Rio Pandu iacute;, em uma regi atilde;o de ch aacute;caras nas proximidades da cidade, em Amambai, mas conseguiu escapar na noite do mesmo dia, sem que o resgate de R$ 500 mil fosse pago.

Investiga ccedil; atilde;o
Desde ent atilde;o, uma equipe de policiais civis e militares de Amambai, sob coordena ccedil; atilde;o do delegado Andr eacute; Luiz Godoy, passou a investigar o caso. Andr eacute; Cristiano Tesche, foragido do regime semiaberto do Estabelecimento Penal de Amambai, onde cumpria pena por tr aacute;fico de drogas, foi preso no final de semana pela equipe quando usava um telefone p uacute;blico para ligar para o empres aacute;rio. Segundo a pol iacute;cia, ele tentava extorquir dinheiro da v iacute;tima, proferindo amea ccedil;as de um novo sequestro.
O outro indiv iacute;duo envolvido na a ccedil; atilde;o criminosa, Vilson Adelar Santi, 33 anos, que eacute; ex-funcion aacute;rio da v iacute;tima e teria sido o mentor do sequestro, est aacute; foragido. Na casa de Vilson Adelar os policiais encontraram um rev oacute;lver 38 que teria sido usado no sequestro.

Casa do Eletricista – NÃO PAGUE AR

Segunda vez
Andr eacute; j aacute; havia sido preso no dia 04 de junho de 2009, pela Pol iacute;cia Militar de Amambai. Ele foi flagrado transportando cerca de 120 quilos de maconha no Golf, placas CGL-1001, de Rio Grande (RS). A apreens atilde;o aconteceu no trevo da sa iacute;da de Amambai para Coronel Sapucaia.

lt;galeria / gt;

TOPO