Pref. MCR – OktoberFest MCR 2019
Paraná

243 motoristas são flagrados dirigindo acima do limite de velocidade na BR-467

 

Divulgação/PRF
Caminhonete foi flagrada acima do limite de velocidade em três radares instalados na BR-467, em um deles passou 145 km/h

 

Uma operação da Polícia Rodoviária Federal (PRF) realizada na manhã desta terça-feira (17) flagrou 243 veículos acima do limite de velocidade na BR-467, entre Toledo e Cascavel, no oeste do Paraná. Na ação foram usados três radares de forma sequencial.

Dois dos veículos autuados foram flagrados acima do limite permitido pelos três radares. O primeiro foi uma caminhonete, que passou a 137 km/k no primeiro radar, 145 km/h, no segundo, instalado a seis quilômetros de distância, e a 128 km/h, no terceiro, distante quatro quilômetros.

Casa do Eletricista ESCAVAÇÕES

No segundo caso, outra caminhonete foi flagrada a 130kmh/h, 119 km/h e 133 km/h respectivamente.

Outros 27 veículos foram autuados em dois dos três radares.

Segundo a PRF, o objetivo desse tipo de operação é flagrar motoristas que insistem em transitar acima do limite de velocidade da via em todo o trajeto, já que muitos continuam acelerando mesmo depois de ter cometido a primeira infração, elevando o risco de acidente.

Os condutores flagrados na Operação Rodovida receberão em casa as multas que variam de R$ 130,16 a R$880,41. Nos casos mais graves, o motorista ainda pode ter o direito de dirigir suspenso. A ação deve se estender até o dia 5 de março.

Em 2016, 8.234 motoristas foram flagrados nestas mesmas condições na BR-467. Ainda conforme a PRF, 17% dos acidentes na rodovia tiveram como causa provável o excesso de velocidade. E, em 2015, quatro das nove mortes em acidentes registrados no trecho de cerca de 50 km, foram provocadas por este tipo de infração.

TOPO