Paraná

Homem é morto a tiros e tem pernas arrancadas por trem

A morte de um homem com cerca de 30 anos, no bairro Tatuquara, em Curitiba, na madrugada deste domingo (28), está sendo investigada pela Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). O corpo de André Scheffer Lopes foi jogado em cima dos trilhos de trem para simular atropelamento. Entretanto, peritos da Polícia Científica confirmaram marcas de ferimento por arma de fogo.

A situação aconteceu por volta das 3 horas da madrugada e a perícia confirmou um dos disparos no peito da vítima. Um dos socorrriistas relatou que a cena era bastante forte, até mesmo para eles. “Teve avulsão, ambas pernas foram arrancadas. Uma cena bem pesada, fora do nosso cotidiano”.

Casa do Eletricista – Clorador Agosto

Qualquer informação sobre o crime pode ser repassada para a DHPP por meio do telefone 0800-6431-121.

Acesse a matéria completa na Banda B

O socorrista finalizou lamentando que a cena era bastante forte, até mesmo para eles. “Teve avulsão, ambas pernas foram arrancadas. Uma cena bem pesada, fora do nosso cotidiano”.

TOPO