Copagril
Poder Legislativo Polêmicas na Câmara

“Na próxima sessão vão balançar cabeças”, dispara Neco

Vereador rondonense Dorivaldo Kist (Neco): “Esse G7 provavelmente em mais um mês vai virar G6, depois possivelmente daqui mais um tempo vira G5” (Foto: Cristiano Viteck)

 

O vereador Dorivaldo Kist (Neco) (MDB), de Marechal Cândido Rondon, esteve no Jornal O Presente para conceder entrevista e se defender da denúncia da qual responde na Câmara de que teria solicitado parte do salário de uma ex-servidora que havia indicado para ocupar cargo comissionado na prefeitura, entre 2017 e 2018.

Na ocasião, o parlamentar mandou recado direto de que as polêmicas na política rondonense não acabaram. “Na próxima sessão (segunda-feira, 15) vai ter algo pior que isso. Vão balançar cabeças lá dentro. E aí quero ouvir o comentário de cada um dos mesmos vereadores quando eu estava sendo julgado. Quero ouvir o argumento deles. A comunidade vai realmente saber quem são os vereadores que querem que o município siga em frente”, disparou.

Casa do Eletricista ESCAVAÇÕES

Neco criticou ainda o fato de haver dois vereadores sendo investigados pelo Gaeco e que estão em plena atividade do mandato, inclusive nas votações. “Tem dois vereadores que estão sendo investigados pelo Gaeco e pelo Ministério Público, há mais de um ano, suspeitos de desviar mais de R$ 1 milhão dos cofres públicos do município”, reforçou.

 

G7, G6, G5…

Na opinião do vereador, o grupo de oposição está se articulando para lhe “derrubar”. “O G7 (grupo formado por sete vereadores) que está armando contra nós. Mas esse G7 provavelmente em mais um mês vai virar G6, depois possivelmente daqui mais um tempo vira G5. Vamos mostrar para a população quem são as pessoas boas do município”, declarou.

 

O Presente

TOPO