Ecoville – Maior rede de limpeza
Política

Grampo revela que Aécio pediu R$ 2 milhões a dono da JBS

Valter Campanato/Agência Brasil

O senador Aécio Neves (PSDB-MG) foi gravado pedindo R$ 2 milhões de propina ao empresário Joesley Batista, um dos donos da JBS, maior produtora de carne do mundo. A informação é do colunista Lauro Jardim, do jornal O Globo. A notícia foi divulgada na noite desta quarta-feira (17).

Casa do eletricista PRESSURIZADORES

Ainda segundo o jornalista, a Polícia Federal (PF) também gravou em vídeo o dinheiro sendo entregue a um primo de Aécio e rastreou o caminho do montante, que teria sido depositado em uma empresa do senador José Perrela (PSDB-MG).

As informações constam na delação premiada do empresário e seu irmão, Wesley, que também é proprietário da JBS. Segundo o jornal, o presidente Michel Temer (PMDB) também foi gravado dando aval para “compra de silêncio” do ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), preso no Paraná.

Pela primeira vez na Operação Lava Jato, a Polícia Federal obteve provas em flagrante. Na delação da JBS, os diálogos e as entregas de malas com dinheiro foram filmados pela PF. Além disso, as cédulas tinham número de série e chips para que o caminho do dinheiro fosse rastreável.

TOPO