Copagril
Política

PT pode anunciar Lula como pré-candidato no começo de 2017

Divulgação

Réu em cinco processos penais, quatro deles provenientes da Operação Lava Jato e seus desdobramentos, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva deve realmente voltar a disputar uma eleição em 2018, garante o Estadão. Segundo o jornal paulista, o PT pretende lançar a pré-candidatura de Lula ainda no primeiro semestre do ano que vem, entre fevereiro e abril, aproveitando a baixa popularidade do governo Michel Temer.

Segundo o jornal, que teria confirmado a informação com integrantes da direção petista e do Instituto Lula, a ideia do PT é defender formalmente a antecipação da eleição presidencial no caso de cassação da chapa Dilma Rousseff-Temer pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Com isso, Lula seria anunciado como pré-candidato logo nos primeiros meses de 2017, provavelmente antes de qualquer possível condenação judicial.

A avaliação dentro do partido é que, ao antecipar-se o anúncio da candidatura de Lula, ganhariam mais força os argumentos de que Lula vem sendo perseguido pelo Judiciário para se tornar inelegível. Além disso, haveria desde cedo uma oposição direta entre dois projetos de governo, um que aposta mais na contenção de gastos e outro que tenta reativar a economia ampliando o crédito.

TOPO