Ford Ka 2020
Política

Vereadores rondonenses repudiam proposta de reforma da Previdência

Cristiano Viteck

O Poder Legislativo de Marechal Cândido Rondon enviará à Câmara dos Deputados e ao Senado Federal, moção de repúdio à atual proposta de Reforma da Previdência Social.

Casa do eletricista TRATAM. E ACESS.

Segundo declaram os edis em requerimento aprovado na sessão de segunda-feira (20), o Governo Federal encaminhou ao Congresso Nacional a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 287/2016, que trata da reforma da Previdência Social, defendendo que as modificações são necessárias para equilibrar as finanças no Brasil. Contudo, é necessário ampliar o debate, realizar audiências públicas com a população e com órgãos de classe, bem como ampliar o estudo para avaliar melhor os prós e contras desta medida.

A moção, justificam os vereadores no requerimento, foi motivada por este ser o sentimento da ampla maioria da população, que demonstram insatisfação com proposta da reforma previdenciária.

Professores representantes da APP-Sindicato estiveram nesta segunda-feira na sessão da Câmara dos Vereadores em busca de apoio do Poder Legislativo contra a proposta de reforma da Previdência. Com cartazes, os professores manifestaram o descontentamento com o projeto do governo federal. Em ofício entregue aos vereadores, a APP-Sindicato explica que é contra o projeto, pois ele altera, de forma contundente, as relações previdenciárias sociais e o futuro da população idosa brasileira, que teria dificuldades em obter benefícios da aposentadoria.

TOPO