Geral

Baleia Rosa adapta estratégia do jogo mortal Baleia Azul

Com informações Gazeta do Povo

19/04/2017 às 14:50 - Atualizado em 19/04/2017 às 14:50

Divulgação

Por mais que o jogo Baleia Azul pareça cada vez mais popular e perigoso, com desafios que culminam no suicídio dos participantes,  há movimentos contrários e que buscam valorizar à vida. Desde a última quarta-feira (12), mais de 100 mil pessoas se posicionaram aos movimentos que propõem a automutilação e o suicídio e decidiram participar de outra estratégia nas redes sociais: a Baleia Rosa.

Criada por dois jovens brasileiros, a página no Facebook e o site da Baleia Rosa propõem o exato oposto de tudo que o Baleia Azul quer: a valorização da vida. Para isso, eles adaptaram as regras do jogo original e vêm ganhando adeptos e seguidores a cada hora.

Ao contrário de cortes e machucados, escrever na pele de alguém o quanto você a ama; fazer elogios para si mesmo em frente ao espelho e conversar com alguém com quem você não falava há muito tempo são algumas das sugestões, que precisam ser registradas nas redes sociais para que a positividade atinja um número cada vez maior de pessoas. A ideia dos criadores é que, cada vez que alguém tentar buscar o jogo da Baleia Azul, encontre a página do Baleia Rosa e se sinta, de alguma forma, acolhido.

Publicidade
Loterias

MEGA SENA

Concurso 1933 24/05/2017
  • 15
  • 19
  • 35
  • 59
  • 14
  • 2
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade