Ecoville – Maior rede de limpeza
Brasil Saúde

Fiocruz descarta caso suspeito de coronavírus em criança do Paraná, informa Sesa

(Foto: Divulgação)

A Secretaria Estadual de Saúde do Paraná (Sesa) informou, neste sábado (15), que foi descartado o caso suspeito de novo coronavírus em um paciente que mora em Ponta Grossa, nos Campos Gerais do Paraná. O descarte ocorreu após exame realizado pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz).

Com isso, agora o Estado não tem mais casos suspeitos da doença. Desde o começo dos alertas, o Brasil descartou 43 suspeitas da doença, e nenhuma infecção pelo 2019 n-CoV foi confirmada.

Os casos suspeitos em investigação estão em São Paulo e no Rio Grande do Sul.

Casa do eletricista PRESSURIZADORES

O caso de Ponta Grossa

O menino de sete anos esteve em janeiro, em Taishan, na região sul da China. Ele e a família retornaram ao país no dia 31 de janeiro, e, após apresentar alguns sintomas, realizou os primeiros exames em um hospital no dia 6 de fevereiro. Desde então, ele estava isolado em casa.

Na terça-feira (11), após os exames não apresentarem resultados para outros vírus respiratórios, a Sesa encaminhou amostras coletadas para a Fiocruz, no Rio de Janeiro.

A família do menino também chegou a ser orientada a ficar em isolamento por 14 dias. Segundo a Sesa, eles não apresentaram sintomas da doença.

Com essa confirmação da Fiocruz, já são três casos notificados descartados no Paraná. Dois destes casos foram pessoas que moram em Curitiba.

Sintomas e suspeita

A Sesa ressaltou que podem ser considerados suspeitos casos de pacientes com sintomas respiratórios – como febre, tosse e dificuldades para respirar – e que possuem histórico de viagens para áreas consideradas de transmissão da doença, na China, ou que tenham tido contato próximo com pessoas e casos suspeitos ou confirmados do coronavírus.

Ao constatar essas características, conforme a secretaria, o paciente deve procurar uma unidade de saúde.

Com G1

 

Clique aqui e participe do nosso grupo no WhatsApp

TOPO