Geral Toledo

Acit se manifesta sobre o fechamento das empresas

(Foto: Divulgação)

Estamos vivendo dias de grandes incertezas e angústias, nos quais gestores públicos e a sociedade como um todo lutam contra um inimigo invisível, e contra o qual ainda não encontramos uma arma eficiente, capaz de exterminá-lo.

Neste momento quero apresentar o posicionamento da ACIT, enquanto entidade representativa da classe empresarial e, de antemão, dizer que respeito as opiniões contrárias, mas também peço o devido respeito às nossas posições.

Casa do Eletricista – Clorador Agosto

A ACIT é contrária à paralisação das atividades econômicas e favorável às regras que sejam rigorosamente cumpridas por todos os cidadãos.

Não existe uma fórmula ou solução rápida para este grande desafio. Nossa luta é diária e precisamos unir esforços neste momento, deixando de procurar culpados e fazer cumprir o que de fato pode ajudar: manter e respeitar o distanciamento, higienizar as mãos várias vezes ao dia, usar máscaras, evitar aglomerações,resguardar os idosos e pessoas de grupos de risco. A classe produtiva não pode, mais uma vez, ser penalizada com a suspensão de suas atividades, como se fossem as empresas e seus colaboradores os responsáveis pela pandemia. É possível, sim, continuar trabalhando, se cada um fizer a sua parte.

Reconhecemos os esforços da administração pública e, em especial dos profissionais da saúde, que têm se dedicado exaustivamente para cumprir suas funções e atender a todos com o respeito que merecem. Nosso sincero agradecimento a esses profissionais!

Para finalizar, quero reafirmar aos 3.940 associados da ACIT, em sua maioria micro e pequenas empresas, que são a nossa razão de existir, que continuaremos lutando pela manutenção de nossas empresas abertas e pela abertura daquelas que ainda não tiveram essa possibilidade. E, quem puder ficar em casa ou trabalhar por meio do home office, que assim o faça.

Nossa reivindicação é que se respeitem as pessoas que querem e precisam trabalhar e as empresas que querem produzir e gerar empregos, evitando assim um colapso econômico futuro.

Com unidade e respeito, teremos dias melhores em breve, com cada um fazendo a sua parte!

Claudenir Machado, presidente da ACIT

 

Com assessoria

Clique aqui e participe do nosso grupo no WhatsApp

TOPO