Ford Show Rural
Ecoville – Maior rede de limpeza
Municípios Clima de festa

Estudantes de Quatro Pontes se formam no Proerd

Fotos: Vanderleia Kochepka/Assessoria

 

Em clima de festa, a Escola Municipal Dona Leopoldina, de Quatro Pontes, com o apoio da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes, promoveu na última quinta-feira (13), no Clube Cultural, a formatura de 47 estudantes do 5º ano no Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (Proerd). Desde o início das atividades, em fevereiro, dez lições e conteúdos preventivos e estratégicos foram trabalhados. O ato solene foi acompanhado por autoridades municipais e militares, lideranças, direção escolar, professores, membros da Associação de Pais, Mestres e Funcionários (APMF), patrocinadores e familiares dos alunos.

A cerimônia contou com diversos momentos especiais, a exemplo da presença do Leão Darem, que é o mascote do Proerd. O compromisso do juramento foi proferido pelo aluno Vitor Hugo Friedrich Dall’Oglio, que conduziu o discurso e foi seguido por todos os proerdianos, que com o braço direito estendido assumiram o compromisso de ficar longe das drogas e da violência. Houve a entrega de certificados e “Luz, câmera, ação”, que é um dos lemas do Proerd, foi decorado e repetido diversas vezes durante a solenidade que encerrou com a premiação dos melhores textos produzidos durante as aulas e que destacaram a importância da valorização da vida e a dizer não às drogas e à violência. Os alunos selecionados foram Eduardo Hanh e Ana Caroline Rosler e como lembrança cada um recebeu um leão de pelúcia, que representa o mascote do Proerd.

Casa do eletricista MINIESCAVADEIRA

Na ocasião, ainda houve sorteio de brindes. Murilo Peters Damas foi agraciado com um cheque de R$ 100, ofertado pela Sicredi Aliança PR/SP, agência local. Uma bicicleta foi sorteada para Léo Lunkes e Rafael Muller ganhou um leão de pelúcia (mascote). O aluno Gustavo Brandt, por sua vez, fez a entrega de uma flor para a soldado do Batalhão de Patrulha Escolar Comunitária, Érica Rodrigues, e a professora Leila Adams também foi gratificada com um leão de pelúcia (mascote).

Para a secretária de Educação, Cultura e Esportes, Araceli Tauchert, trata-se de um momento que ficará marcado na vida destes alunos. “Teremos, sem dúvida, adultos mais responsáveis e compromissados com o seu futuro porque participaram do Proerd. O programa está de volta ao munícipio desde 2017, cumprindo uma meta do plano de governo do Poder Público. Agradeço à Polícia Militar por essa iniciativa. A formatura foi um momento muito especial e parabenizo a todos que colaboraram na organização”, comenta.

O prefeito João Laufer salienta que a comunidade pediu a retomada do programa. “É um orgulho poder formar cidadãos de bem. Hoje também temos muitas atividades na cultura e esporte. A nossa gestão é humanizada e o propósito é melhorar cada vez mais a qualidade de vida”, enaltece.

Propósitos

A soldado Érica explica que as aulas contam com uma didática em que a metodologia é os alunos se colocarem em situações reais, que podem acontecer com as crianças. “Todos são convidados a tomar decisões responsáveis, escolhendo o que querem para o futuro, avaliando riscos e consequências”, pontua.

Já o diretor executivo da Sicredi Aliança PR/SP, Fernando Fenner, afirma que o Proerd atende diretamente ao propósito da cooperativa. “Existe o modelo cooperativo como agregador de renda, mas também queremos melhorar a qualidade de vida das pessoas e a Sicredi acredita que trabalhando nas crianças é possível ter uma sociedade melhor no futuro”, assegura.

 

Com assessoria

TOPO