Esportes

Atlético Paranaense não terá partidas do estadual transmitidas na TV

(Foto: Giuliano Gomes / Gazeta Press)

A RPC (Rede Paranaense de Comunicação), filiada à Rede Globo, acertou os direitos de transmissão de 11 das 12 equipes que disputarão o Campeonato Paranaense de 2018. O único clube que não terá as partidas transmitidas é o Atlético-PR, que não chegou a um acordo com a emissora.

A edição 2018 do Estadual voltará a contar com a transmissão de partidas do Coritiba. O clube confirmou o acerto com a emissora após análise do retorno financeiro que a exibição das partidas na TV aberta irá gerar.

 

"A transmissão do Campeonato Paranaense na TV gera retorno financeiro direito e indireto para o clube. Direto com a cota de transmissão, indireto com patrocínio, publicidade e até mesmo exposição de nossos atletas para o mercado do futebol. Tudo isso pesou na decisão, principalmente sendo este um momento de dificuldade financeira para o Coritiba", comentou o presidente do Coritiba, Samir Namur.

O Coxa irá receber R$ 600 mil pelos direitos de transmissão, a cota mais alta paga pela emissora. O Paraná Clube também irá receber o mesmo valor. O Londrina cedeu os direitos de transmissão por R$ 500 mil.

Aos demais clubes - Cianorte, FC Cascavel, Foz Futebol Clube, Maringá, Prudentópolis, Rio Branco, Toledo e União - a RPC irá pagar R$ 375 mil. Já a Federação Paranaense de Futebol irá receber R$ 300 mil.

A emissora é quem irá definir as partidas a serem transmitidas no decorrer do campeonato.

A competição começa na próxima quarta-feira (17), com a partida entre União x Paraná Clube.

 

 

Com informações Catve