Copagril – Sou agro com orgulho
Paraná Enfermaria e UTI

Fila de espera por leito de Covid-19 oscila em abril, mas ainda está alta

Foto: Geraldo Bubniak/AEN

A fila de pessoas à espera por um leito para tratamento da Covid-19 oscilou no mês de abril e chegou a registrar altas e baixas desde o dia 08. De forma geral, a fila – uma somatória de leitos clínicos e de UTI – diminuiu em relação a março, mas ainda está alta.

Os dados são do relatório diário de Ocupação por tipo de leito SUS por casos suspeitos/confirmados de Covid-19, fornecidos pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesa).

Casa do Eletricista – Tubos e Conexões

Em 1º de abril, a fila tinha 438 pessoas à espera por um leito de UTI e 302 no aguardo por um leito clínico, totalizando 740 pessoas. Já no dia 1º de maio, ontem, último dia dos dados disponíveis, a espera por um leito de UTI estava com 143 pacientes, enquanto 157 aguardavam por um leito clínico, um total de 300 pacientes.

Nesses 30 dias, a fila em geral teve 18 quedas em relação ao dia anterior, mas registrou 11 altas em relação ao dia anterior. E um dia, houve estabilidade no geral. A maior alta de um dia para outro ocorreu em 29 de abril, com aumento de 28,39% em relação ao dia anterior. A maior queda foi em 22 de abril, com 21,18% de retração em relação ao dia 21.

No dia 16 de março, a fila tinha 1.357 pessoas. Eram 641 na fila de leito de UTI e 716 na fila por um leito clínico. No dia 17, houve o recorde em demanda por leito de UTI (708 ao todo), mas o número total era menor que o dia anterior: chegava a 1.343.

Desde então, o dia em que havia menos fila foi 15 de abril, com 250 pessoas (100 à espera de UTI e 150 à espera de leito clínico). Um dia antes, a fila de UTI registrou seu menor tamanho, com 90 pessoas no aguardo.

 

Bem Paraná

Clique aqui e participe do nosso grupo no WhatsApp

TOPO