Copagril – Sou agro com orgulho
Paraná 9.029 pacientes

No Paraná, 63% das pessoas hospitalizadas não se vacinaram contra Covid

(Foto: Geraldo Bubniak/AENPr)

Um levantamento feito pelo Bem Paraná através do banco de dados do Sistema de Informação da Vigilância Epidemiológica da Gripe (SIVEP-Gripe), do Ministério da Saúde, revela que, no mês de agosto, 9.029 pessoas foram hospitalizadas com problemas relacionados à síndrome gripal e síndrome gripal aguda grave (SRAG) em todo o Estado do Paraná. Entre essas pessoas, apenas 3.327 (36,85% do total) informou ter tomado a primeira ou a segunda dose da vacina contra a Covid-19.

Dessa forma, temos um cenário no qual, ao longo do último mês, praticamente dois terços dos pacientes que deram entrada nos hospitais paranaenses não confirmaram se receberam o imunizante e podem, portanto, não terem sido vacinadas.

Casa do Eletricista ARANDELAS

Os dados do SIVEP-Gripe, inclusive, servem como mais um indício da importância da vacina para proteger a população contra óbitos, hospitalizações e casos graves da doença pandêmica. Entre todos os pacientes que foram hospitalizados, por exemplo, apenas 1.633 informaram ter completado o ciclo vacinal, ou seja, tomado as duas doses da vacina anti-Covid (ou a dose única do fármaco, dependendo do imunizante). Isso significa que, no Paraná, apenas 18% dos pacientes que procuraram um hospital com algum quadro gripal já haviam sido completamente imunizados contra o novo coronavírus.

Nied 2021 L

Além disso, 2.671 pessoas demandaram cuidado intensivo, ou seja, foram parar numa Unidade de Terapia Intensiva (UTI) ao longo do último mês por conta de síndrome gripal ou síndrome gripal aguda grave (SRAG).

Dentro desse contingente, apenas 1.003 pacientes haviam declarado ter sido vacinados contra a Covid-19, o equivalente a 37,55% do total; sendo que 515 (19,3% dos pacientes que foram para uma UTI) dessas pessoas haviam completado o ciclo vacinal.

Número de internados é o menor desde novembro de 2020 – Com o programa de imunização contra a Covid-19 avançando, o Paraná também já registra melhora na taxa de ocupação de leitos em enfermaria e UTI, bem como uma importante redução no quantitativo de gente internada.

Na última semana, entre os dias 5 e 10 de agosto, variou entre 1.718 e 1.685 o total de pessoas hospitalizadas no Paraná. Na sexta-feira, último dia com dados disponíveis, haviam 950 pacientes em UTI (taxa de ocupação de 55,49%) e outros 769 em enfermarias (taxa de ocupação de 41,08%).

Um número desses não era registrado no estado desde o final de novembro do ano passado, quando o total de pessoas com quadros suspeitos ou confirmados de Covid-19 num leito hospitalar variou entre 1.495 e 1.753, entre os dias 21 e 28.

 

Boletim

Estado tem 54 mortes e idades variam de 0 a 92 anos

A Secretaria de Estado da Saúde divulgou ontem mais 1.954 casos confirmados e 54 mortes — referentes aos meses ou semanas anteriores e não representam a notificação das últimas 24 horas — em decorrência da infecção causada pelo novo coronavírus. Entre os óbitos, são 23 mulheres e 31 homens, com idades que variam de 0 a 92 anos. Os óbitos ocorreram entre 30 de junho a 10 de setembro de 2021.

Os dados acumulados do monitoramento da Covid-19 mostram que o Paraná soma 1.471.763 casos confirmados e 37.859 mortos pela doença.

876 pacientes com diagnóstico confirmado de Covid-19 estão internados. São 640 pacientes em leitos SUS (365 em UTI e 275 em leitos clínicos/enfermaria) e 236 em leitos da rede particular (141 em UTI e 95 em leitos clínicos/enfermaria).

Há outros 1.351 pacientes internados, 740 em leitos UTI e 611 em enfermaria, que aguardam resultados de exames. Eles estão em leitos da rede pública e particular e são considerados casos suspeitos de infecção pelo Sars-CoV-2.

Os pacientes que foram a óbito residiam em: Curitiba (21), Londrina (5), Cascavel (4), Pinhais (3), São José dos Pinhais (2), Sarandi (2) e Colorado (2). A Sesa registra ainda a morte de uma pessoa que residia em cada um dos seguintes municípios: Tuneiras do Oeste, São Mateus do Sul, Porecatu, Ponta Grossa, Piraquara, Paranavaí, Nova Esperança, Matinhos, Laranjeiras do Sul, Foz do Iguaçu, Fazenda Rio Grande, Cornélio Procópio, Cambé, Bocaiúva do Sul e Alto Paraíso.

 

Com Bem Paraná

Clique aqui e participe do nosso grupo no WhatsApp

Grupo Costa Oeste 2021
TOPO