Copagril – Compras no Site
Geral

Beto Richa lidera, mas pesquisa indica 2º turno com Osmar

Pesquisa Vox Populi divulgada na noite de ter ccedil;a-feira (18) pela Band TV aponta que o ex-prefeito de Curitiba, Beto Richa (PSDB), manteve a lideran ccedil;a na prefer ecirc;ncia do eleitorado na elei ccedil; atilde;o pelo Governo do Estado, mas o quadro ainda eacute; de empate t eacute;cnico e segundo turno entre o tucano e o pr eacute;-candidato do PDT, senador Osmar Dias. De acordo com a sondagem, que ouviu 700 eleitores entre os dias 08 a 12 de maio, o tucano venceria com 40% dos votos. Osmar Dias manteve a segunda posi ccedil; atilde;o, com 33%. Pelos n uacute;meros do instituto, se a elei ccedil; atilde;o fosse hoje haveria segundo turno no Paran aacute;. A principal novidade do levantamento foi o crescimento das inten ccedil; otilde;es de voto do governador Orlando Pessuti (PMDB), que chegou a 10% da prefer ecirc;ncia.
A pesquisa coloca ainda Rubens Bueno (PPS) com 3%, Luiz Felipe Bergmann (PSOL) com 1% e Paulo Salamuni (PV) com 1%. Votos brancos e nulos somam 2% dos entrevistados. Os eleitores que n atilde;o souberam ou n atilde;o quiseram responder totalizam 10%. Se considerada a margem de erro da pesquisa, que eacute; de 3,7 pontos percentuais para mais ou para menos, Richa e Dias est atilde;o empatados. A novidade na sondagem eacute; o crescimento de Pessuti de 7% para 10%.
Os n uacute;meros revelam que nos uacute;ltimos tr ecirc;s meses a diferen ccedil;a de sete pontos percentuais entre os dois primeiros colocados se manteve. Na mais recente pesquisa Vox Populi, divulgada no in iacute;cio de fevereiro, Richa tamb eacute;m liderava.
Na pesquisa estimulada, o instituto formou seis cen aacute;rios. O ex-prefeito de Curitiba aparecia em tr ecirc;s desses cen aacute;rios e liderava nos tr ecirc;s. No cen aacute;rio em que enfrentava Osmar Dias, Richa tinha 38%, seguido pelo pedetista com 31%, Orlando Pessuti (PMDB) tinha 7%, e Lygia Pupatto (PT) 2%.
Na eacute;poca, Pupatto tinha a maior rejei ccedil; atilde;o, com 14%, seguida por Melo Viana (PV), com 13%, Lineu Thomaz (PRB), com 10%, Orlando Pessuti, com 10%, Alvaro Dias (PSDB), com 7%, Beto Richa, com 6%, e Osmar Dias, com 4%

TOPO