Marechal Serviço essencial

Coleta de lixo reciclável é parcialmente suspensa em Marechal Rondon

Seguindo orientações da municipalidade, Cooperagir deixa de recolher materiais recicláveis no município como medida de prevenção ao contágio do coronavírus. Serão afetados o Jardim Marechal, São Lucas, Vila Gaúcha, Boa Vista, parte do Botafogo, Alvorada e parte do centro (Foto: O Presente)

Com o isolamento social visando conter a propagação da Covid-19, grandes Capitais e metrópoles registram diariamente crescimento na produção de lixo, uma vez que as pessoas estão acomodadas em suas residências e descartando mais materiais em pequenas quantidades.

Em Marechal Cândido Rondon esse fenômeno também foi observado, contudo, não em grandes proporções. Conforme Milton Melo Pereira, encarregado da empresa Inova, responsável pela recolha do lixo orgânico no município, houve apenas um pequena aumento na produção de lixo. “Algo bastante sutil. O aumento real ainda não é visível nos números que dispomos. A gente acredita que deva aumentar ao longo desse período de quarentena, mesmo que não tão significativamente. As pessoas estão mais em casa, mas também reduziram o consumo”, aponta.

Casa do Eletricista – TORNEIRAS ELÉTRICAS

No que diz respeito aos recicláveis, representantes da Cooperativa de Agentes Ambientais (Cooperagir) e da Associação de Catadores Amigos da Natureza (Acan) informam que não perceberam aumento de materiais descartados.

De acordo com Pereira, um fator ainda constatado em Marechal Rondon é que as pessoas seguem misturando lixo reciclável com o lixo orgânico. “Acredito até que piorou devido às questões da dengue. As pessoas estão mais apavoradas e querem se livrar do acumulado que possuem. Infelizmente, não percebo melhora na separação”, lamenta.

 

Milton Melo Pereira, encarregado da Inova: “Essa suspensão parcial da recolha de recicláveis significa um aumento estimado em 10% no volume de lixo orgânico que vamos ter de recolher” (Foto: Divulgação)

 

FATOR CONTAMINANTE

Como a coleta de resíduos é considerada um serviço essencial, o servidor da Inova diz que o trabalho será mantido neste período de isolamento e de medidas para conter o avanço do coronavírus. Contudo, ressalta ele, alguns cuidados devem ser observados. “O acondicionamento deve ser mais bem feito do que nunca a fim de diminuir a possibilidade de contaminação, principalmente no que diz respeito ao lixo dos banheiros”, orienta, acrescentando: “A equipe foi instruída, como já acontecia, a utilizar EPI (equipamento de proteção individual), além de reforçar hábitos de higiene. Com a falta de álcool gel, deve-se lavar as mãos corretamente e com frequência, especialmente antes de refeições”.

A presidente da Acan, Josiane Cleve Oliveira, pede aos munícipes que intensifiquem a separação para que materiais contaminados e não recicláveis não parem em local inadequado. “Sobre ensacar duas vezes os resíduos, não há necessidade se a separação for bem feita, visto que rasgamos o saco para realizar a triagem”, aconselha.

Presidente da Acan, Josiane Cleve Oliveira: “A coleta continua e a triagem está sendo realizada em dois turnos, a fim de diminuir a aglomeração de colaboradores” (Foto: Arquivo/OP)

 

ROTINA DOS TRABALHADORES

Na Associação de Catadores, a rotina dos trabalhadores sofreu alterações. “Nós trabalhamos em 25 pessoas e para evitar aglomeração dividimos a triagem em dois turnos. A recolha acontece normalmente. Temos alguns idosos em nosso grupo e estes pararam de trabalhar desde sexta-feira (20). Como nós recebemos por produção, essas pessoas terão seu financeiro comprometido”, menciona.

Até a quarta-feira (25), a Cooperagir ainda atuava de forma parcial no município. Segundo Carolina Bunzen, coordenadora da cooperativa, somente o serviço de recolha estava sendo realizado. “Nós temos muitos idosos e pessoas no grupo de risco da doença. Então, só estávamos recolhendo os recicláveis e compactando-os em uma área ensolarada. Teríamos espaço para armazenar esses materiais por mais duas semanas para só então reiniciar a triagem”, conta.

Mesmo com o uso de EPI e seguindo todos os procedimentos necessários, Carolina afirma que o serviço ainda apresenta riscos de contágio. “Nós encerramos a coleta na quarta-feira sob orientação da municipalidade. Agora, temos um caso confirmado de coronavírus no município e a falta de álcool e máscaras persiste; o trabalho não é mais viável. Tudo o que recolhíamos irá para o lixo orgânico nesse momento”, informa a coordenadora.

Os bairros afetados por essa parcial suspensão da recolha de recicláveis são: Jardim Marechal, São Lucas, Vila Gaúcha, Boa Vista, parte do Botafogo, Alvorada e o centro, sendo a parte Leste, Oeste e comercial.

A Cooperagir conta com 45 colaboradores, dos quais 40 são autônomos. “A tensão é muito grande. Essas pessoas terão a sua renda comprometida”, salienta Caroline.

Coordenadora da Cooperagir, Carolina Bunzen: “Retornaremos somente após orientações da municipalidade” (Foto: Arquivo/OP)

 

RETOMADA

Ela menciona que a retomada total dos trabalhos vai acontecer somente após orientações da municipalidade. Desta forma, hoje (27) não haverá recolha de lixo reciclável na parte do município que está sob responsabilidade da Cooperagir e quanto aos trabalhos da próxima semana ainda não há nada definido.

Pereira entende os motivos de tal decisão, todavia, lamenta: “É uma pena que eles tenham de parar. Isso vai sobrecarregar o nosso trabalho. Essa suspensão parcial da recolha de recicláveis significa aumento estimado em 10% no volume de lixo orgânico que vamos ter de recolher”, prevê o encarregado da Inova.

O servidor destaca que a coleta de lixo, tanto reciclável quanto orgânico, é um serviço indispensável ao município e, em vista disso, lembra que a equipe da Inova divulgou recentemente nas redes sociais um pedido: “Nós estamos na rua por você. Fique em casa por nós”.

“Este é um apelo a mais. Sabemos que o Poder Público em todas as esferas está fazendo esse pedido e nós reforçamos”, comenta.

 

O Presente

 

Clique aqui e participe do nosso grupo no WhatsApp

Aviso importante: A reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo (textos, imagens, infográficos, arquivos em flash, etc) do portal não é permitida e, caso se configure, poderá ser objeto de denúncia tanto nos mecanismos de busca quanto na esfera judicial. Se você possui um blog ou site e deseja estabelecer uma parceria para reproduzir nosso conteúdo, entre em contato por e-mail.

Rua Minas Gerais, 633 - Centro
Marechal Cândido Rondon - PR
(45) 3254-1842


29/05/2020

Das 23h do dia 29
às 07h do dia 30


Farmácia Farmaútil
Avenida Rio Grande do Sul, nº 820


29/06/2020

Das 23h do dia 29
às 07h do dia 30


Farmácia Farmaplus
Avenida Maripá, nº 3320


29/07/2020

Das 23h do dia 29
às 07h do dia 30


Farmácia Super Popular
Rua 7 de Setembro, nº 706


29/08/2020

Das 23h do dia 29
às 07h do dia 30


Farmácia Preço Popular
Rua Tiradentes, nº 564


29/09/2020

Das 23h do dia 29
às 07h do dia 30


Farmácia Prev Farma
Rua Independência, nº 1855


29/10/2020

Das 23h do dia 29
às 07h do dia 30


Farmácia Farmavidda
Rua Cabral, nº 982


29/11/2020

Das 23h do dia 29
às 07h do dia 30


Farmácia Droga Raia
Avenida Maripá, nº 132


29/12/2020

Das 23h do dia 29
às 07h do dia 30


Farmácia do Povo
Rua Tiradentes, nº 613
TOPO