Copagril – Compras no Site
Marechal Giló

Secretaria de Saúde confirma morte de rondonense por Covid-19

A morte em questão refere-se a José Henrique dos Santos, popular Giló (Foto: Divulgação)

Em boletim divulgado pelo Setor de Epidemiologia nesta segunda-feira (06), a Secretaria de Saúde de Marechal Cândido Rondon confirmou a primeira morte por Covid-19 de paciente residente no município. O óbito aconteceu em Curitiba, onde ele estava internado.

O rondonense, de aproximadamente 60 anos, no dia 24 de maio passou por procedimento de transplante de rim na Capital do estado. No dia 02 de junho recebeu alta e voltou para Marechal Rondon. No dia 07, retornou a Curitiba para consulta de pós-operatório, quando, por complicações, ficou internado.

Casa do Eletricista – GENCO

No dia 14 de junho teve os primeiros sintomas de coronavírus e foi notificado em 18 de junho. Devido ao quadro de insuficiência respiratória, foi encaminhado para a UTI no dia 28. O óbito aconteceu nesta segunda-feira, dia 06 de julho.

A Secretaria de Saúde reforça que, observando as datas de início dos sintomas e notificação, tem-se a certeza de o mesmo ter contraído a doença em Curitiba.

Conforme informações da pasta, devido a um decreto do município de Curitiba, o corpo não pode ser transladado para Marechal Rondon. “A única forma para isso é a cremação. A família estuda como irá proceder com relação ao caso, já que a outra alternativa é o enterro em Curitiba”, declarou a secretaria em nota à imprensa.

 

Giló

A morte em questão é de uma pessoa bastante conhecida em Marechal Rondon pelo envolvimento com projetos sociais voltados ao esporte. Trata-se de José Henrique dos Santos, popular Giló.

 

Boletim de casos de segunda-feira (06):

O Presente com assessoria


Clique aqui e participe do nosso grupo no WhatsApp

TOPO