Variedades

Participante erra textura de cordeiro e é eliminada do "MasterChef"

(Foto: Divulgação)

Angélica Vitali foi eliminada do "MasterChef - Profissionais", da Band, nesta terça-feira (10), depois de preparar um carré de cordeiro cheio de defeitos. O resultado de seu prato não agradou aos jurados, já que ela errou a textura da carne e não soube valorizar o tempero.

Na prova eliminatória, os seis cozinheiros foram desafiados a preparar um prato original, mas usando temperos exóticos, pouco conhecidos, escolhidos por rivais no jogo.

"O seu cordeiro estava com uma textura dura, não era agradável. E você também não valorizou o tempero, de medo, pode ser. E por isso você vai deixar a gente hoje. Realmente é uma pena, mas o resultado é justo", anunciou Erick Jacquin.

Angélica lamentou a sua saída dizendo que o reality show é uma "montanha-russa". "Um dia a gente está lá em cima; outro, lá embaixo. Mas é bom viver isso", resumiu.

"Eu acho que só vivo para aprender, e aí o 'MasterChef' apareceu, é uma oportunidade (e, às vezes, o raio não cai duas vezes no mesmo lugar). Eu vim tentar ser uma pessoa melhor e tirar alguns desafios da minha vida, como por exemplo, medo, inseguranças. Então, eu acho que cumpri o meu papel aqui dentro do programa", concluiu ela.

Na decisão, a ex-publicitária foi superada pelo curitibano Ravi Leite, tido como um dos queridinhos do público nesta edição.

Cinco provas na mesma noite

No programa desta terça-feira, os nove cozinheiros foram divididos em três trios --azul, amaralo e verde-- em uma prova na qual contaria com a participação do chef Jun Sakamoto.

Cada trio teria que limpar, cortar e preparar três peixes diferentes em quatro etapas, em 20 minutos cada, que exigiriam técnica e habilidade dos participantes. A equipe que acumulasse mais pontos nas quatro etapas se salvaria automaticamente.

A equipe amarela (composta por Clécio, Francisco e Irina) foi a vencedora, com três pontos acumulados.

Na prova eliminatória, os cozinheiros tiveram a liberdade para preparar um prato original, mas com um detalhe à parte: ele seriam obrigados a usar um tempero incomum e inusitado, escolhido pelo time amarelo, o vencedor da prova anterior.

Pablo foi eleito pelos jurados como o melhor da noite, preparando um arroz doce caccio e pepe com crumble de cardamomo negro. Já Angélica e Ravi foram os piores.

Com informações UOL