Policial

Adolescente acusa empresário de assédio sexual

Uma menina de 17 anos moradora de Santa Helena disse ter sido vítima de assédio sexual. Ela prestou queixa na Polícia Militar (PM) do município na noite de sábado (04). Ela contou que seu ex-empregador, para quem trabalhou em 2012, voltou a ligar para ela supostamente pedindo favores em troca de certa quantia em dinheiro que a adolescente tem em haver com o empresário.

Hoje, de acordo com o boletim de ocorrência (BO), o empresário não tem mais comércio em Santa Helena, mas tem em Marechal Cândido Rondon, onde ele mora. Segundo depoimento da menor de idade, ela trabalhava na empresa na cidade de Santa Helena no ano de 2012 e sempre sofria com as indiretas do empresário.

Casa do Eletricista – RETOMA

“O mesmo dizia que ela era uma moça bonita, ficava pedindo sobre sua vida”, diz um trecho do BO. Em junho daquele ano, ela rescindiu o seu contrato com a empresa. Segundo a adolescente, ela fez o acerto dos direitos trabalhistas na época, mas não recebeu todo o dinheiro.

O proprietário da loja, conforme relato, começou a fazer chantagem, dizendo que seria bom eles se encontrarem novamente para ele poder fazer o pagamento. Ele chegou a pedir que ela se deslocasse a Marechal Rondon, onde ele tem outra loja, para que eles pudessem sair tomar uma cerveja.

Diante da negativa, segundo o boletim registrado pela moça, ele deixou de ligar. “E agora no mês de agosto de 2013, esse começou a ligar novamente no seu celular fazendo chantagem para obter algo e em troca pagaria a quantia faltante”, diz. Ela foi orientada pela PM.

TOPO