Copagril
Política

Vereadores querem saber posição de deputados quanto à renovação antecipada do pedágio

Divulgação/AEN
Atuais contratos de pedágio das rodovias do Paraná vigoram até 2021

A Câmara de Marechal Cândido Rondon vai encaminhar ofício à Frente Parlamentar Contra a Renovação do Pedágio, cujos trabalhos são desenvolvidos por deputados estaduais na Assembleia Legislativa do Paraná. O objetivo é que seja informado ao Poder Legislativo rondonense quais são os parlamentares que já se manifestaram favoráveis e aqueles que firmaram posição contrária à antecipação da renovação do contrato do Estado com as concessionárias de pedágio.

Casa do Eletricista PISCINAS

O questionamento feito à Frente Parlamentar partiu dos vereadores Adriano Cottica, Adriano Backes, Arion Nasihgil, Claudio Kohler (Claudinho), Josoé Pedralli e Nilson Hachmann. A solicitação de envio de ofício à Assembleia Legislativa consta em requerimento, aprovado ontem (02) pela Câmara de Vereadores.

Os atuais contratos de pedágio vencem somente em 2021, mas existe interesse de setores do governo estadual de antecipar a renovação, nos mesmos moldes destes que ainda estão em vigor. A Frente Parlamentar, que tem como coordenador o deputado estadual rondonense Ademir Bier, afirma não ser contra a concessão dos pedágios para a manutenção e investimentos em rodovias no Estado. Mas questiona, contudo, o modelo adotado, que faz com que o Paraná tenha um dos pedágios mais caros do País.

Na avaliação dos vereadores rondonenses, é preciso concentrar todos os esforços para evitar que os contratos de pedágio sejam renovados, nos termos atuais, o que causaria sensível prejuízo para toda a sociedade. Eles defendem que o correto é deixar encerrar os atuais contratos e, na sequência, realizar novas licitações para os lotes das rodovias estaduais e federais, definindo os projetos e intervenções necessárias, assim como o prazo de execução, além de prever o critério de menor preço a ser cobrado por tarifa de pedágio.

No próximo dia 20, em Curitiba, a Frente Parlamentar Contra a Renovação do Pedágio promove audiência na Assembleia Legislativa. A pauta é para a discussão da medida provisória do governo federal que abre a possibilidade de prorrogação de concessões rodoviárias, ferrovias e portos em todo o Brasil. Vereadores rondonenses devem participar do debate.

TOPO