Municípios Saúde

Pato Bragado confirma 216 casos de dengue

Simoni Tornquist: “Nesse momento em que a população está mais em casa por conta da prevenção ao coronavírus, é possível que os domicílios sejam verificados com mais atenção” (Foto: Marili Koehler)

A situação diária de aparecimento de novos casos de Covid-19, transmitidos pelo coronavírus não está limitando a preocupação das autoridades de Pato Bragado em relação a dengue, um problema recorrente e de anos não só no município, mas a nível nacional.

No dia 18 de março, diante da confirmação de 148 casos da doença o Governo Municipal decretou Estado de Epidemia. Desde o início do ano, a circulação autóctone do vírus da dengue tem causado o aumento do número de hospitalizações e situações graves, considerando ainda que as pessoas com dengue apresentam imunidade baixa e são mais suscetíveis a contrair o coronavírus.

Casa do Eletricista – TORNEIRAS ELÉTRICAS

Passados 15 dias, os dados epidemiológicos da doença crescem de forma disparada. Agora são 240 notificações e 216 casos confirmados pela Secretaria Municipal de Saúde.

Diante das medidas de prevenção de parte da Secretaria, a diretora do departamento de Atenção Básica, Simoni Torquist, informa que os agentes de endemias realizam, ininterruptamente, as visitas com vistorias Peri domiciliares (área externa das residências). Ela considera que nesse momento em que a população está mais em casa por conta da prevenção ao coronavírus, é possível que os domicílios sejam verificados com mais atenção, eliminando todos os pontos que acumulam água parada. “Essa é a medida de prevenção mais efetiva contra a dengue e deve ser permanente, sem descuidar nenhum dia do ano”, pontua.

 

Com assessoria

 

Clique aqui e participe do nosso grupo no WhatsApp

TOPO