Brincando na Praça 2019
Variedades

Morre o escritor argentino Ricardo Piglia aos 75 anos

Divulgação

O escritor argentino Ricardo Piglia morreu na sexta-feira (06), aos 75 anos, em Buenos Aires, segundo o jornal Clarín. Ele sofria de esclerose lateral amiotrófica há alguns anos. “Adeus, Piglia. Para nós, fica todo o escrito, a lucidez e a paixão do escritor e do leitor onívoro. Vamos sentir sua falta”, declarou o ministro da Cultura da Argentina, Pablo Avelluto, em sua conta no Twitter.

Casa do Eletricista ESCAVAÇÕES

Piglia nasceu na cidade de Adrogué, na província de Buenos Aires, e era considerado um dos melhores expoentes da nova época narrativa argentina. Entre as premiações que recebeu estão o prêmio Ibero-Americano de Narrativa Manuel Rojas (2013) e prêmio Formentor de Las Letras (2015).

O autor escreveu livros como Plata Quemada, La Invasión, Tarde de Amor e Prisión Perpetua. Ele estudou História e foi professor de literatura latino americano na Universidade de Princeton, nos Estados Unidos.

TOPO