Ford/Abradif/Rodovel Ranger
Casa, bem me quer casa

Três Receitas de Pão-de-Ló

Ooii!! ūüôā

Hoje eu quero falar sobre Pão-de-Ló!

Eu sou apaixonada por Pão-de-Ló, adoro fazer esse bolo!

Pão-de-Ló é um clássico da confeitaria, combina textura macia e leve, boa estrutura e sabor neutro. Estas características do Pão-de-Ló tem tudo a ver com seu nome. Ló é a denominação dada a um tecido bem fino, parecido com uma gaze.

Eu tenho v√°rias receitas dessa del√≠cia. Vou postar as que eu mais fa√ßo aqui em casa e suas varia√ß√Ķes.

Pão-de-Ló Tradicional (receita original portuguesa)

Manteiga (para untar)

10 ovos

1 1/2 x√≠c. de a√ß√ļcar (270gr)

1 1/4 xíc. de farinha de trigo (150gr)

 

Preaquecer o forno 180 graus. Unte com manteiga uma f√īrma de 24,5 cm de di√Ęmetro e 9,5 cm de altura e forre-a com papel manteiga.

Na batedeira, bata os ovos com o a√ß√ļcar at√© obter uma misturada aerada e de colora√ß√£o amarelo-clara (cerca de 15 minutos). Acrescente a farinha aos poucos e continue batendo para formar uma massa homog√™nea e leve (cerca de 8 min).

Transfira para a f√īrma preparada e leve o forno por cerca de 40 minutos.

Espere amornar, desenforme. Sirva em temperatura ambiente.

A diferen√ßa dele para outros bolos √© justamente a composi√ß√£o da massa. O P√£o-de-L√≥ √© feito com ovos (46%), a√ß√ļcar e farinha de trigo, podendo ter acr√©scimo de l√≠quido (leite, suco de laranja ou √°gua) e fermento. Mas isso somente se a receita pedir. O volume da massa vem das claras que absorvem o ar e inflam, quando batidas.

“J√° outros bolos – com massa cremosa – s√£o compostos de ovos, farinha, l√≠quidos e gordura em grande quantidade. A maior parte do volume da massa √© devido ao acr√©scimo de fermento. A receita √© cheia de segredinhos e deve ser seguida √† risca. ¬†A principal dica √© bater muito bem os ovos. Sempre deixo na batedeira por 15 minutos at√© dobrar de volume e ficar uma mistura bem clarinha e brilhante”.

A farinha também deve ser colocada com cuidado, depois de peneirada. Acrescente aos poucos e misture delicadamente para a massa não perder volume.

A massa funciona em uma variedade de montagens diferentes e pode entrar como personagem de muitas receitas. Versatilidade pura.

A receita se presta a in√ļmeros recheios e coberturas. √Č s√≥ liberar a criatividade!

Pão-de-Ló com Nozes e Ganache de Chocolate Branco

Esse bolo foi do aniversário de 03 anos das minhas filhas gêmeas Leticia e Sofia.

Para o Pão-de-Ló:

06 ovos (caipiras)

01 x√≠cara de a√ß√ļcar cristal org√Ęnico

01 colher de essência de baunilha (eu uso uma importada)

1 1/2 xícara de farinha de trigo

100 gramas de nozes picadas

Manteiga para untar

Farinha de trigo para polvilhar

Para a ganache:

03 quilos de chocolate branco (marca de qualidade, viu?!)

1 1/2 litro de creme de leite (usei só 01 litro e fresco)

Prepare o Pão-de-Ló:

Preaque√ßa o forno a 180 graus. Separe as claras das gemas. Na batedeira, bata as claras em neve. Aos poucos, junte 02 colheres (sopa) do a√ß√ļcar cristal, as gemas, uma por vez, a baunilha e, depois, o a√ß√ļcar restante.
Diminua a velocidade e adicione a farinha e as nozes com delicadeza.
Trabalhe a massa com as m√£os. Asse em uma f√īrma de 20 cent√≠metros de di√Ęmetro, untada com manteiga e polvilhada com farinha, por cerca de 30 minutos. Deixe esfriar e desenforme.

Prepare a ganache:

Enquanto isso, em uma panela em banho-maria, derreta o chocolate branco. Junte o creme de leite e misture. Corte o bolo ao meio na horizontal e recheie com ganache, deixando escorrer um pouco. E cubra o bolo.
E o √ļltimo, foi feito no domingo passado, aproveitei que as meninas queriam fazer bolo e eu estava com muitas amoras e cerejas para rechear.

 

Pão-de-Ló de Cacau


Para a massa:

5 ovos

5 colheres (sopa) de a√ß√ļcar

5 colheres (sopa) de farinha de trigo

2 colheres (sopa) de cacau em pó

1 colher (chá) de fermento em pó

 

  1. Preaque√ßa o forno a 180 ¬ļC (temperatura m√©dia). Unte uma f√īrma redonda de 20 cm, espalhando com pincel (ou papel-toalha) uma camada fina e uniforme de manteiga e polvilhe farinha de trigo apenas as laterais. Usando o fundo como medida, corte um disco de papel-manteiga e coloque dentro da f√īrma – para grudar, pincele a borda do papel com manteiga derretida.
  2. Separe as gemas das claras. Para verificar se est√£o bons, quebre os ovos numa tigelinha extra e transfira, um por um, as gemas para outra tigelinha e as claras para a batedeira.
  3. Na batedeira, bata as claras até ficarem em neve. Adicione as gemas e bata por mais 2 minutos.
  4. Acrescente o a√ß√ļcar aos poucos, 1 colher (sopa) por vez, e bata por mais 2 minutos.
  5. Numa tigela, junte a farinha, o cacau e o fermento, passando pela peneira.
  6. Retire a tigela da batedeira. Com uma espátula de silicone, junte com cuidado a mistura de secos. Mexa delicadamente, fazendo movimentos de baixo para cima, até incorporar.
  7. Transfira a massa para a f√īrma preparada e leve ao forno preaquecido para assar por cerca de 40 minutos. Enquanto isso, fa√ßa a cobertura de ganache.
  8. Retire o bolo do forno. Quando estiver morno, desenforme sobre um prato de base reta.

Para o recheio:

04 potinhos de iogurte natural

02 colheres de a√ß√ļcar demerara

Cerejas e amoras frescas

 

Coloque os iogurtes em um filtro de caf√© de pano ou descart√°vel. Em seguida, acomode o filtro em uma peneira e encaixe sobre uma caneca ou pote do mesmo di√Ęmetro. Leve para a geladeira de v√©spera com o intuito de acolher o l√≠quido quando dessorar na geladeira. Em seguida, coloque o creme que ir√° se formar de dentro do coador em uma vasilha e acrescente as cerejas pela metade e as amoras o a√ß√ļcar e misture. Reserve.

TOPO