Copagril – Sou agro com orgulho
Editorial

Ajudar faz bem, ainda mais agora

Cooperar com as pessoas transforma o mundo, melhora a vida e o bem-estar, estimula bons hábitos, alimenta o coração. E o brasileiro é um povo que gosta de cooperar. O Oeste do Paraná é íntimo ao cooperativismo, pois algumas das maiores cooperativas brasileiras estão aqui. Em Marechal Cândido Rondon ou você é ou conhece alguém cooperado.

Casa do Eletricista – Energia Solar

Este movimento de cooperação, que vai além de um modelo de negócio, deve estar ainda mais robusto neste momento que a pandemia assolou famílias e deixou milhares de pessoas em extrema dificuldade. Sem empregos, com a renda reduzida ou mesmo sem renda nenhuma, mais e mais famílias passaram a depender da solidariedade das pessoas e dos agentes públicos. Cestas básicas, roupas, tudo começou a faltar para as pessoas mais necessitadas.

É neste momento que as pessoas devem estar dispostas a doar um pouquinho que seja. O que parece pouco para alguém, pode ser muito para quem não tem nada.

Nied 2021 E

Mas nem sempre as pessoas que estão dispostas a ajudar sabem como podem fazer. Para ajudar neste sentido, novas boas iniciativas estão surgindo em Marechal Rondon.

Para comemorar o Dia Internacional do Cooperativismo, que acontece sempre no primeiro sábado do mês de julho (neste ano, dia 03 de julho), o Conselho de Cooperativas da Associação Comercial e Empresarial de Marechal Cândido Rondon (Acimacar) realiza mais uma edição do “Dia de Cooperar”, ou Dia C, que tem o objetivo de arrecadar alimentos, produtos de higiene e limpeza e roupas para pessoas em situações de vulnerabilidade social, atendidas por entidades assistenciais que atuam em Marechal Rondon e região. As doações podem ser feitas a partir de hoje (15) até o dia 03 de julho nas cooperativas que fazem parte da ação, supermercados, Acimacar e no Sesc.

A campanha, que já teve bons resultados em outros anos, precisa do engajamento da população que pode ajudar. Cooperar com quem mais está precisando é uma forma de melhorar a sociedade em que se vive.

A Diocese de Toledo – Igreja Católica também está pedindo doações para uma importante instituição de assistência social que começa a funcionar no mês de agosto em Marechal Cândido Rondon: a Casa de Maria. A entidade vai atender 60 crianças e adolescentes com idade entre seis e 12 anos, mas ainda é preciso recursos financeiros para a compra dos móveis e equipamentos para o espaço. Os fiéis são convidados a fazer suas ofertas neste fim de semana, em todas as paróquias da diocese, durante as celebrações religiosas.

A Casa de Maria vai funcionar no contraturno escolar com atividades como inglês, esportes, teatro, artesanato e música. E oferecer alimentação aos participantes.

Empresários, lideranças e profissionais liberais e todas as pessoas podem ajudar essa importante instituição, que já atendeu milhares de crianças nos seus quase 30 anos de atuação na vizinha Toledo. Cooperar com a Casa de Maria é dar a esperança de um futuro melhor para as crianças de hoje.

Cooperar faz bem, ser solidário faz bem, a generosidade é uma nobre atitude. Quem puder, ajude. É bom para quem recebe, é bom para quem dá.

TOPO