Copagril
Editorial

Torneiras secas

O Brasil está passando por um dos invernos mais secos dos últimos tempos. Na região central, há lugares em que há quatro meses não cai uma única gota d’água. O clima seco é comparável a regiões desérticas, a falta de chuva favorece as queimadas, prejudica a qualidade do ar, mas especialmente põe em risco o abastecimento de água de milhões de pessoas. No Oeste do Paraná não é diferente. O município de Cascavel já adotou o rodízio de água. Em Marechal Cândido Rondon o alerta vem sendo dado há alguns dias para o uso racional deste bem tão precioso. Há possibilidade de racionamento. Torneiras secas causam enormes transtornos, prejuízos.

Consumir água com responsabilidade é um dever de todo cidadão, que deve ser empregado diuturnamente, mas, às vezes, as pessoas pecam porque não se dão conta que a responsável pela vida na terra é escassa. Lava-se carro com mangueira de jardim, varre-se a calçada com essa mesma mangueira, o banho demora mais que o necessário, a torneira fica aberta na hora de escovar os dentes. São exemplos comuns, mas bastante íntimos de quase toda a população. Em algum lugar, em algum momento, você já se pegou desperdiçando água.

Casa do Eletricista ESCAVAÇÕES

É óbvio, e nem precisaria ser dito, que esse hábito de usar a água com prudência deve ser ininterrupto, praticado nos 365 dias do ano, mas especialmente nessa época de secura esse cuidado precisa ser ainda mais agudo. Cada um precisa se esforçar para economizar o máximo possível. Só assim (e com a volta das chuvas que todos estão sonhando) o risco de desabastecimento nas casas da região pode ser diminuído, minimizado.

Para completar o pacote, o calorão que tem feito em Marechal Rondon e no Oeste como um todo, especialmente no início da semana, amplia ainda mais a sensação de sauna seca. Que sufoco.

É bem certo que a volta das chuvas deve proporcionar alívio nesse cenário, mas certamente vai ser preciso muita precipitação pluviométrica para recuperar os três meses de praticamente uma única boa chuva na região. As previsões indicam que uma boa chuva pode acontecer nesta semana no Oeste, o que deve melhorar a qualidade do ar e reabastecer rios, lagos e lençóis freáticos, além de ser um alívio para os agricultores, que precisam imediatamente da chuva, seja aquele que plantou há poucos dias ou aquele à espera da água para plantar.

Á água é o bem mais importante para a manutenção da vida na Terra. Não por nada as missões espaciais procuram água como princípio para encontrar vida em outros planetas. É preciso usá-la com responsabilidade, mas essa tarefa se tornou ainda mais necessária nas últimas semanas. Cabe a cada cidadão ser gerenciador e fiscal da água. Que não seja necessário nossa torneira secar para lembrarmos o quão difícil é viver sem água. Se cada um fizer a sua parte, poderemos evitar aborrecimentos, mas especialmente melhorar nossos hábitos em relação à água e nos conscientizar, cada vez mais, da importância de um uso racional e sustentável dessa joia que Deus nos deu.

TOPO